Especial Globo de Ouro 2016 – Melhores filmes

No segundo domingo do ano (10) ocorreu  a cerimônia de premiação do Globo de Ouro e o Brasil marcou presença  com Narcos. A série do Netflix não foi produzida literalmente no Brasil, a primeira série da empresa de streaming realmente produzida em terras tupiniquins será “3%” pela Boutique Filmes. Mas isto nem chega a ser tão perceptível, afinal a mente criativa que assina a direção da série é José Padilha (Tropa de Elite e Robocop) que trouxe com ele parte da sua equipe e atores de confiança do Brasil.

Narcos bateu de frente com pesos pesados como Empire, Outlander e nada menos que Game of Thrones, além disso também tivemos Wagner Moura, que viveu Pablo Escobar em Narcos, concorrendo ao prêmio de melhor ator em séries de drama. Mas já falamos muito de Narcos, a série merece um post dedicado especialmente a ela, que tal falarmos um pouco mais sobre os filmes que concorreram como os melhores do ano?

Mad Max: Fury Road (Mad Max: Estrada da Fúria)

O filme que deu vida ao mundo insano dentro da cabeça de George Miller já arrecadou mais de $ 375 milhões ao redor do mundo e como acontece com a maioria dos indicados a estes prêmios, conta com uma produção impecável tecnicamente desde, obviamente, roteiro (compartilhado) e direção de George Miller até efeitos especiais e uma edição de áudio acima da média, além de uma edição que particularmente acho impecável e com uma precisão cirúrgica nos cortes. Uma curiosidade sobre a produção é que o guitarrista do filme é um artista australiano chamado Sean Hape, em uma entrevista ao Vice ele disse que a guitarra pesava cerca de 60kg e lançava chamas de verdade acionadas pela sua alavanca.

Spotlight – Segredos Revelados

O filme foi lançado no dia 07 de Janeiro nos cinemas brasileiros e conta com um elenco de peso para contar a história real de como o Boston Globe iniciou a investigação que revelou escândalos de pedofilia na arquidiocese da cidade e que atingiu a igreja católica de maneira global. Um fato interessante é que ao saber que iria interpretar o jornalista Walter RobinsonMichael Keaton descobriu aonde Walter morava e se mudou para perto sem que ele soubesse, o ator também arrumou fitas e áudios do jornalista e além disso passou alguns dias com ele para que pudesse interpretá-lo de maneira apropriada, já dá para imaginar no nível de atuação Keaton.

 Carol

O flime é uma adaptação do romance The Price of Salt e conta a história de duas mulheres de mundos totalmente diferentes que acabam se apaixonando e vivendo um romance na década de 50. O filme foi lançando em 20 de Novembro nos EUA, mas só chegou ao Brasil no dia 14 de Janeiro. A chefona da Film4Tessa Rossa (que assina como produtora) disse que teve de batalhar por mais de onze anos para conseguir realizar o filme.

Room (O Quarto de Jack)

O quarto de Jack conta a história de um garoto de cinco anos de idade que vive em um quarto fechado junto com sua mãe, ela por sua vez tenta transformar o espaço em um universo completo para eles. Após uma fuga bem-sucedida eles têm de lidar com os problemas do mundo fora do quarto. O filme só tem estreia prevista para o dia 18 de Fevereiro no Brasil. O diretor de arte do filme, Ethan Tobman, queria que nevasse na cena final do filme, mas neve falsa não caberia no orçamento e a ideia foi abandonada. Mas durante a gravação da última cena começou a nevar de verdade, mais um dos momentos mágicos que ocorrem durante gravações.

The Revenant (O Regresso)

The Revenant (O Regresso) já ganhou os holofotes bem antes de chegar às telas, primeiro pela equipe premiada presente na obra e depois pelo ambiente extremo enfrentado durante as gravações. O filme conta com a assinatura de Iñárritu na direção (que levou três Oscars ano passado com Birdman) e Emmanuel Lubezki (Gravidade, Birdman) na direção de fotografia, área que chama a atenção desde o início do filme com planos sequência e uma crueza/refinamento que criam cenas estonteantes esteticamente, o filme é interessante para que possamos ver o poder de fogo da Arri 65 nas mãos da equipe de Lubezki, que é um dos grandes diretores de fotografia da atualidade. O filme acabou levando o prêmio da noite.

Como sempre quase todos os filmes indicados chegaram depois da premiação ao Brasil, mas vale a pena ficar de olho neles! Além de grandes histórias, eles são também ótimas fontes de estudo para quem buscar aprender cada vez mais sobre cinema, são geralmente obras tecnicamente impecáveis quando falamos de narrativa clássica. E você, já tem algum preferido entre eles? Conte pra gente nos comentários!

Deixe seu comentário

comentários

Tagged under: , , ,

Pin it

Graduado em Imagem e Som pela Universidade Federal de São Carlos, já passou por diversos ramos da comunicação e atuou no Brasil e Canadá. Atualmente trabalha em São Paulo onde executa as funções de filmmaker e editor.

Back to top
[i]
[i]