Respondendo dúvidas sobre a Panasonic GH5

A divulgação de todos os detalhes da GH5 acabou de acontecer e muitas dúvidas ainda pairam sobre seus possíveis consumidores, por isso, o site Cinema 5D gravou uma entrevista com M. Uematsu-san da Panasonic onde ele responde dúvidas técnicas de maneira muito franca. Traduzimos toda a entrevista para português, você pode conferir vídeo e tradução logo abaixo.

Por que a Panasonic GH5 não oferece gravação interna em RAW?

A razão para não termos gravação em RAW no modo vídeo é a velocidade, nós queremos usar basicamente cartões SD e eles possuem algumas limitações quando falamos de velocidade de gravação. Caso produzíssemos vídeos em RAW o bitrate seria de quase 5 Gb por segundo e isso é quase impossível no momento, o produto também segue um linha para consumidores comuns, essa é a razão para que neste momento grave apenas em MPEG.

Por que um filtro ND não foi implementado?

Sobre o filtro ND, na verdade, tivemos algumas sugestões de filmmakers, especialmente para a GH4, mas também para este novo modelo. No entanto, usamos um padrão de Micro 4/3 e não temos tanto espaço para um filtro ND entre a lente e o sensor, essa é a razão para não termos incluído o filtro ND, se a lente não fosse intercambiável seria tranquilo. Um bom exemplo é que já introduzimos a FZ2000 e ela possui duas camadas de filtros ND, mas com lentes intercambiáveis seria difícil manter este padrão.

Como a Panasonic consegue manter preços acessíveis para a câmera?

Sobre o preço, temos de vender para consumidores comuns (não profissionais) e creio que isso significa um limite dele, claro, é uma câmera Micro 4/3 e podemos usar os mesmos componentes não apenas na GH5, o que cria um projeto em comum e creio que essa seja a razão.

O sensor presente na GH5 é feito exclusivamente pela ou para a Panasonic ou ele pode ser encontrado em outros equipamentos no mercado?

É um sensor completamente novo de 20MP que se comparado a outros modelos, por exemplo, o GX8, é o mesmo. No entanto, a velocidade de leitura é muito maior que o sensor GX8 e temos isso apenas no sensor da GH5.

Qual a qualidade da gama dinâmica na nova GH5?

Comparado à GH4 é um pouco melhor, mas não muito, eu acho. A razão tem a ver com o número total de pixels, de 16MP para 20MP, isso significa que cada pixel é um pouco menor que na GH4. No entanto, três anos se passaram desde o lançamento da GH4 e a tecnologia evoluiu bastante. Cada pixel é mais eficiente, resultando na mesma gama dinâmica, a mesma proporção “sinal-ruído”, mas a gama dinâmica não depende apenas do sensor e sim de quantos bits nós podemos utilizar na conversão A/D, que é basicamente o mesmo da GH4 e essa é a razão para obtermos uma proporção menor “sinal-ruído”, mas a gama dinâmica em si não é tão diferente.

Em ISO’s altos uma função de redução de ruído funcionará automaticamente, é possível evitar que ela atue ou desligá-la?

Ninguém usará redução de ruído e a razão principal é que essa câmera é voltada para consumidores normais, isso que dizer que não inclui profissionais. Mas isso pode incluir amadores de alto nível ou amadores, claro, muitos profissionais utilizarão esta câmera e sabemos disso. Na verdade, tivemos várias opiniões de muitos filmmakers e eles querem usar suas próprias reduções de ruído na pós-produção. Algumas vezes os usuários cometem alguns erros de operação por mal entendidos e para evitar isso a definimos como redução de ruido neste momento. No entanto, se houve um grande alarde por parte dos consumidores, neste caso teremos de reconsiderar isto no futuro.

Por que o novo sistema de estabilização de 5 eixos só pode trabalhar com lentes Panasonic Lumix?

Neste momento temos de utilizar nossas lentes Lumix, a principal razão é que é muito difícil manter o controle, por causa do tipo de sistema de cancelamento, se a lente possui um sistema de cancelamento muito acentuado o sistema todo não irá funcionar. Essa é a razão para só termos algumas lentes que trabalham com o Dual IS, claro, no futuro teremos de considerar outras lentes, mas ainda não a estamos considerando.

A GH5 incorporou dois slots para cartões SD, no modo de vídeo será possível gravar em ambos simultaneamente?

Na GH5 temos dois slots e três opções: a primeira é o trabalho em turnos para fotografia e vídeo, se o primeiro slot estiver cheio, você poderá usar o segundo automaticamente e enquanto grava nele poderá trocar a mídia do outro. A segunda opção é gravar a mesma coisa em ambos os cartões, o que se torna uma opção fácil para obter backups e no terceiro você pode, por exemplo, usar o primeiro slot para vídeo e o segundo para imagens.

Como a Panasonic solucionou possíveis problemas de superaquecimento, especialmente quando a câmera não tem tempo limite para gravações?

Não temos nenhuma limitação quanto ao tempo de gravação de vídeos, nós recebemos muitas mensagens de clientes dizendo que deveríamos eliminar essas limitações, no entanto, há duas questões a serem resolvidas: a primeira é a questão de taxação e impostos e a segunda a geração de calor interno. Sobre a geração de calor interno, dessa vez dobramos a taxa de quadros, o que significa maior geração de calor, mas utilizamos tecnologia de ponta especialmente para economizar energia de processamento e no sensor. Também melhoramos bastante alguns pontos relacionados a heat sink para o sensor (heat sink é um sistema de resfriamento que faz a troca do calor gerado por partes eletrônicas com o meio), isso gerou resultados positivos para a redução de calor, o que significa não termos limitações de tempo.

O novo adaptador de microfone DMW-XLR1 vai trabalhar apenas com a GH5 ou em toda linha Lumix?

Muitos filmmakers utilizam seus microfones profissionais, mas para utilizá-los precisamos fornecer o phantom power (corrente de alimentação do aparelho para o microfone) e também conectores diferentes. Para facilitar o uso desses microfones estamos oferecendo o adaptador XLR com não apenas dois canais XLR, mas também alta resolução em 24 bit e 96kHz de sampling. Sobre a compatibilidade com modelos futuros, ainda não resolvemos isso, se muitos usuários quiserem utilizar microfones XLR, não apenas com a série GH, mas com outros séries também, então teremos de considerar isso. Por enquanto só é possível utilizá-lo na GH5.

Como sempre, você pode conferir o post original (em inglês) no site Cinema5D clicando aqui.

Deixe seu comentário

comentários

Tagged under: , , , , ,

Pin it

Graduado em Imagem e Som pela Universidade Federal de São Carlos, já passou por diversos ramos da comunicação e atuou no Brasil e Canadá. Atualmente trabalha em São Paulo onde executa as funções de filmmaker e editor.

Back to top
[i]
[i]