Há 60 Anos Chegava ao Mercado o Videotape

Há pouco mais de 60 anos uma tecnologia revolucionária era exibida a executivos da CBS. Pela primeira vez um videotape reproduziu quase em tempo real uma transmissão e transformou de maneira definitiva o mercado broadcast.

Para entender um pouco como era a vida sem videotape, nos EUA havia um grande problema de logística nos programas devido ao tamanho do país. O programa exibido na costa leste (em Nova Iorque, por exemplo) não seria o mesmo exibido na oeste (Los Angeles). Ele tinha de ser feito “ao vivo” duas vezes ou de outras formas nada práticas, o Brasil também sofreu com a falta de possibilidades para gravação e teve uma televisão baseada em programas ao vivo por um bom tempo.

Nesta época a gravação de áudio já era possível, mas a gravação e reprodução de imagens para broadcast era apenas um objetivo e desejo distantes para várias empresas, entre elas a Ampex. Até que poucos dias antes da NAB de 1956 o vice-presidente da CBS na época Bill Lodge teve seu discurso para colegas gravado e reproduzido em monitores pela sala, era usado pela primeira vez o Ampex VR-1000A. Já no Brasil a primeira transmissão ocorreu em 1960, cerca de quatro anos após o dia fatídico.

800px-Ampex_VR1000A_(serial_329)

Karl Baron from Lund, Sweden – First Video Recorder., CC BY 2.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=8829327

Desde então o uso do videotape tornou-se inerente à transmissão broadcast e a guerra dos formatos levou a várias siglas e tamanhos diferentes, um dos maiores duelos ocorreu entre o VHS e a Betamax dentro da esfera de home video. No Brasil o formato VHS acabou ficando mais conhecido pelo público em geral, enquanto o Betacam (um formato com estrutura semelhante ao Betamax e voltado à esfera profissional) foi adotado na maioria das emissoras de TV. A era dos videotapes perdurou por longos anos, uma das maiores emissoras do país acabou seu processo de migração há cerca de apenas cinco anos e em algumas outras, principalmente as pequenas, as gravações em “evoluções” da Betacam continuam ocorrendo até hoje.

Na guerra dos formatos e tecnologias já estamos abandonando outros bem mais novos como o CD, DVD e Blu-ray. Cada vez mais o caminho segue para o armazenamento em nuvem e um dos principais duelos do momento parece ser: download versus streaming de vídeos.


Fontes:

http://www.redsharknews.com/distribution/item/3393-the-biggest-video-industry-advance-ever-as-revealed-at-nab-60-years-ago

https://en.wikipedia.org/wiki/Video_tape_recorder

http://portalimprensa.com.br/tv60anos/anos50_59_videotape_texto.asp

Deixe seu comentário

comentários

Tagged under: , , , ,

Pin it

Graduado em Imagem e Som pela Universidade Federal de São Carlos, já passou por diversos ramos da comunicação e atuou no Brasil e Canadá. Atualmente trabalha em São Paulo onde executa as funções de filmmaker e editor.

Back to top
[i]
[i]